Coronavírus

Covid-19 nos EUA. Biden apela à população para se unir e evitar "a indiferença perante o sofrimento"

EUA ultrapassaram os 500 mil mortos provocados pela pandemia. 

Saiba mais...

Os Estados Unidos ultrapassaram na segunda-feira os 500 mil mortos causados pela pandemia. O Presidente, Joe Biden, pede à população para se unir e não se tornar insensível à tristeza.

É o país mais atingido desde o início da pandemia. Com mais de 28 milhões de casos confirmados, os Estados Unidos ultrapassam agora as 500 mil mortes. O número de vítimas mortais representa 20% das mortes provocadas pela covid-19 em todo o mundo.

O Presidente dos Estados Unidos apela à população para se unir e não se tornar insensivel à dor.

Depois do discurso, seguiu-se a homenagem na Casa Branca. Joe Biden e a mulher, acompanhados pela vice-presidente e pelo marido, fizeram um minuto de silêncio enquanto era tocado "Amazing Grace".

Joe Biden garantiu que o país vai receber até julho 600 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, um número suficiente para vacinar toda a população. Atualmente, 44 milhões de pessoas já receberam a primeira dose e 19 milhões têm a vacinação completa.

Veja também: