Coronavírus

Com 48 casos ativos, Águeda é um dos 20 concelhos em alerta

Eurico Bastos

Eurico Bastos

Repórter de Imagem

É a única cidade do país acima do Ribatejo com números mais preocupantes. Comerciantes e população temem recuo no desconfinamento.

Saiba mais...

Já se sente. Ao balcão e à mesa, há menos clientes e mais recato. Preocupação é a palavra que mais se ouve. Águeda é um dos 20 concelhos que ficam em alerta, até à próxima semana.

O único acima do Ribatejo onde a situação epidemiológica mais se agravou, com mais de 120 casos por 100 mil habitantes. Os dados mais recentes, desta sexta-feira, dão conta de quase 50 casos ativos no concelho.

A restauração e o comércio temem o impacto de Águeda não acompanhar o ritmo de desconfinamento.

Na região do Baixo Vouga, para além de Águeda, os números também estão a subir no concelho de Aveiro, onde os novos têm surgido na sequência de casamentos e festas de estudantes universitários.

No norte do distrito de Aveiro, Vale de Cambra recuperou e saiu da lista de concelhos de risco.