Coronavírus

Covid-19. Governo afasta possibilidade da terceira dose para já

Especialistas estão divididos quanto ao reforço.

Saiba mais...

O Governo afasta, pelo menos para já, a administração de uma terceira dose da vacina contra a covid-19. O Executivo alega não haver evidência científica para justificar a tomada dessa decisão.

Em Israel, os maiores de 60 anos já estão a ser administrados com uma terceira dose da vacina.

Em França e na Alemanha a medida também vai mesmo avançar com o objetivo de evitar uma nova onda de contágios no Inverno, e com o aparecimento de novas variantes.

Uma decisão que contraria a Organização Mundial da Saúde que considera urgente fazer chegar as vacinas aos países mais pobres.

Já os especialistas estão divididos quanto à administração de uma terceira dose da vacina.

A farmacêutica Moderna, apesar de assegurar que a vacina contra a covid-19 tem uma eficácia de 93% nos seis meses após a segunda dose, defende a administração de uma terceira até ao final do ano, para travar os contágios e aumentar a eficácia da vacina.

Veja também: