Eleições nos EUA

Eleições EUA. Celebridades vestem-se a rigor para apelar ao voto

As redes sociais têm sido um palco para apelar à votação nas eleições presidenciais norte-americanas.

Seja numa t-shirs, numa máscaras ou até num vestido feito para a ocasião. São muitas as celebridades norte-americanas que têm partilhado fotografias nas suas redes sociais para apelar ao voto e incentivar os fãs para cumprirem o seu dever cívico. As eleições norte-americanas decorrem no próximo dia 3 de novembro.

Julia Roberts foi uma das celebridades que participou neste apelo e vestiu-se a rigor: com um fato monocromático preto, a palavra “vote” (vota, em português) sobressai para os fãs. Mas esta não foi a única foto: a atriz apareceu ainda com uma máscara e uma t-shirt onde se lia o mesmo apelo.

Instagram

Também a atriz Julianne Moore surgiu numa das suas fotos de instagram com um look semelhante. O vestido comprido foi uma criação do designer Christian Siriano. Noutras fotografias, a atriz afirmou ainda que vai votar "como uma mãe"

Instagram

A compositora Lizzo levou o desafio além das redes sociais e recebeu o prémio Billboard Music Awards com um vestido também em preto onde se podia ler a palavra vote.

Instagram

Hailey Baldwin, casada com o cantor Justin Bieber, também decidiu utilizar as redes sociais para demonstrar a importância do voto junto dos seus seguidores. Para a manequim de 23 anos, “Votar é excitante” (“Voting is hot” em inglês).

Instagram

Já a atriz Laura Dern deixou o seu contributo: “É o Dia Nacional de Inscrição Eleitora! Certifica-te que tu e os teus colegas de trabalho estão inscritos para votar. Já o fiz”, escreveu numa publicação onde aparece com Sam Neill e Jeff Goldblum, o elenco do filme Parque Jurássico.

Instagram

As máscaras de proteção contra a Covid-19 ganharam também um caráter político e surge como acessório nesta campanha das celebridades. Kerry Washington, por exemplo, usou uma t-shirt a combinar com a máscara, ambas apelando ao voto.

Instagram

O cantor Pharell Williams lembrou que o voto é uma ferramenta dos cidadãos. Na camisola aparece estampado o slogan “use o seu voto”, com uma nota para o elevado número de cidadãos que não votaram nas eleições passadas.

Instagram

Michelle Obama também quis deixar o seu contributo: com uma caneta na mão e uma t-shirt a apelar ao voto, a ex-primeira-dama lembrou os cidadãos que é importante fazerem-se ouvir.

Instagram

Estes são apenas alguns exemplos de celebridades que utilizaram as suas redes sociais para apelar ao voto. Há quem use máscaras e quem mostre autocolantes. Mesmo sem apoiar um candidato específico, o objetivo é mobilizar os seguidores para exercerem o direito ao voto e fazerem ouvir a sua voz.

As eleições presidenciais estão marcadas para 3 de novembro: Donald Trump é o candidato Republicano, que procura renovar o seu mandato, enquanto do lado dos Democratas Joe Biden procura voltar à Casa Branca, desta vez, como presidente. Devido à pandemia de Covid-19, muitos cidadãos norte-americanos já exerceram o direito ao voto, optando por votar antecipadamente por correspondência.