George Floyd

Cidade norte-americana Minneapolis vai substituir Departamento da Polícia

Lucas Jackson

Proposta foi aprovada por unanimidade.

O conselho autárquico da cidade de Minneapolis aprovou hoje por unanimidade uma proposta para alterar o normativo que a rege de forma a desmantelar o Departamento da Polícia, no seguimento do criticismo generalizado suscitado pela morte de George Floyd.

Por 12 votos contra zero, os conselheiros deram início a um processo que visa substituir o Departamento da Polícia por um Departamento de Segurança da Comunidade e Prevenção da Violência.

De acordo com um projeto divulgado na internet, o novo Departamento "vai ter a responsabilidade dos serviços de segurança pública, dando a prioridade a abordagens orientadas para questões de saúde pública".

A definição do novo Departamento ainda está, contudo, por fazer. Em todo o caso, a proposta final deve ser apresentada para votação dos munícipes em novembro.

A morte de George Floyd

George Floyd, um afro-americano de 46 anos, morreu em 25 de maio, em Minneapolis, no estado do Minnesota.A morte ocorreu depois de Floyd ter estado imobilizado no chão por um polícia branco, que lhe colocou o joelho em cima do pescoço, durante oito minutos e 46 segundos, apesar de dizer que não conseguia respirar.

Desde a divulgação das imagens nas redes sociais, têm-se sucedido os protestos contra a violência policial e o racismo em dezenas de cidades norte-americanas.

Os quatro polícias envolvidos foram despedidos, e o ex-agente Derek Chauvin, que colocou o joelho no pescoço de Floyd, foi acusado de homicídio em segundo grau, arriscando uma pena máxima de 40 anos de prisão.

Os outros vão responder por auxílio e cumplicidade de homicídio em segundo grau e por homicídio involuntário.

  • 0:43