Guerra Rússia-Ucrânia

Valas comuns em Izium: Zelensky fala em "tortura" e pede reação mundial

Loading...
Foram descobertas "450 sepulturas", 99% com sinais de "morte violenta".

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, pede uma reação mundial à descoberta de mais de 400 corpos enterrados em Izium.

O responsável acusa as forças russas de genocídio e tortura.

"Há índícios de tortura e de tratamento humilhante das pessoas. Além disso, há provas de que os soldados russos, cujas posições não estavam distantes deste local, alvejaram as pessoas ali enterradas só por diversão. O mundo tem de reagir perante isto".

Segundo Zelensky, as tropas russas teriam incorrido ali em "atrocidades" comparáveis às reveladas em Bucha, a cidade nos arredores de Kiev, onde em abril foram encontrados centenas de corpos de civis com sinais de tortura e de aparentemente trem sido executados.

Foram descobertas "450 sepulturas" perto de Izium, cidade da região de Kharkiv, nordeste da Ucrânia, reconquistada às forças russas. 99% dos corpos exumados "mostram sinais de morte violenta", revela o governador regional de Kharkiv, Oleg Synegoubov.

Últimas Notícias
Mais Vistos