Guerra Rússia-Ucrânia

Moscovo prepara anexação: "Putin precisava de uma vitória e vai proclamá-la"

Loading...

O comentador José Milhazes explica os procedimentos que vão decorrer formalmente para anexação russa.

Antes da invasão russa, as regiões de Lugansk e Donetsk foram reconhecidas por Putin como independentes. Agora, sete meses depois, segue-se Kherson e Zaporíjia. Apesar destas quatro regiões ucranianas não estarem totalmente dominadas pelas tropas russas, o Presidente russo apressa-se para alcançar e divulgar uma vitória.

“Putin precisava de uma vitória e vai proclamá-la esta sexta-feira. Por isso é que está preparado um bacanal patrioteiro em Moscovo”, afirma José Milhazes.

O primeiro passo foi o referendo, explica o comentador José Milhazes, depois o reconhecimento da independência das regiões e segue-se a assinatura do documento pelo Chefe de Estado, depois de passar pelos olhos do Tribunal Constitucional, declarando oficialmente as quatro regiões pertencentes ao território russo.

José Milhazes aponta que formalmente, a anexação estará decretada. Porém, a realidade que se perceciona em terreno é diferente. As agências de notícias reportam um número significativo de militares russos cercados pelas tropas ucranianas em Lyman, no Oblast de Donetsk.

Posteriormente, a Rússia deverá tomar medidas para lançar uma grande contraofensiva nestes territórios anexados para travar, pelo menos, os avanços das tropas ucranianas.

Últimas Notícias
Mais Vistos