Guerra Rússia-Ucrânia

Kiev está a ficar sem água potável após ataques russos

Kiev está a ficar sem água potável após ataques russos
GLEB GARANICH

Os moradores de Kiev estão a formar longas filas para encherem garrafões com água.

A autarquia de Kiev diz que 80% da capital ucraniana está sem água potável, depois dos recentes ataques russos. Para além disso, há centenas de localidades sem eletricidade, numa altura em que a Rússia alterou a sua estratégia e está focada em atingir infraestruturas de energia.

A capital tem sido um dos alvos russos e os moradores agora, formam longas filas para encherem garrafões de água.

O presidente da Câmara diz que o problema deverá ficar resolvido nas próximas horas.

Vitali Klitschko acusa a Rússia de atingir importantes estruturas para a rede de distribuição para deixarem as pessoas "sem aquecimento, sem água e sem eletricidade no inverno".

“Tenho a sensação de que os agressores russos querem congelar as pessoas, este inverno (…) Querem ver a população toda a congelar no inverno, na nossa terra. Isto é genocídio, não há outras palavras”, defende o autarca.