Incêndios em Portugal

Incêndio na Serra da Estrela com uma frente ativa

Incêndio na Serra da Estrela com uma frente ativa
NUNO ANDRÉ FERREIRA
Mais de 1.200 operacionais em combate no terreno

O incêndio no parque natural da Serra da Estrela continua por controlar, depois de 12 dias de combate às chamas.

De acordo com o site da Proteção Civil, às 10:10, 1.240 operacionais encontravam-se no terreno a combater o fogo, apoiados por 394 viaturas e oito meios aéreos.

Segundo as autoridades, durante a noite, o combate às chamas foi favorável aos bombeiros.

A previsão do tempo para esta quinta-feira pode comprometer novamente os trabalhos, com máximas previstas entre os 24 e os 30 graus nos distritos da Guarda e Castelo Branco.

O fogo deflagrou no dia 6 em Garrocho, no concelho da Covilhã, e foi dado como dominado no sábado. Na segunda-feira, sofreu uma reativação.

Acidente com carro de bombeiros provoca dois feridos

A caminho da localidade de Sarzedo, um carro dos bombeiros voluntários de Carnaxide sofreu um acidente na estrada municipal 501, do qual resultaram dois feridos ligeiros.

O acidente com o veículo tanque dos bombeiros terá ocorrido entre Sarzedo e Teixoso. Cinco ambulâncias, incluindo uma viatura de emergência médica, foram prestar assistência no local.

A Proteção Civil indica que foram assistidos, no total, 63 feridos, dos quais 21 foram considerados feridos ligeiros e três feridos graves.

As localidades de Sarzedo, Orjais e Vale Formoso foram evacuadas pelas autoridades. O centro de acolhimento que funciona na escola de Teixoso tem recebido pessoas provenientes das três localidades ao longo desta tarde.

Últimas Notícias
Mais Vistos