Jogos Olímpicos

Diretor dos Jogos Olímpicos admite adiar evento mas OMS defende realização 

OMS acredita que a competição será um exemplo.  

A dois dias do arranque dos Jogos Olímpicos, em Tóquio, o diretor executivo da prova admite adiar a competição.

A cidade que acolhe o evento registou nos últimos dias uma medida diária de mais de mil novos contágios e, na aldeia olímpica, já foram detetadas cerca de 70 infeções.

Apesar do balanço, a Organização Mundial de Saúde acredita que os Jogos Olímpicos poderão ser um exemplo de boas praticas e defende a realização da competição, como uma oportunidade para mostrar ao mundo como pode ser travada uma pandemia.

Para minimizar os riscos, foi organizada uma competição em bolha. Atletas e staff não podem contactar com outras comitivas e estão proibidos espectadores durante as provas.

Os Jogos Olímpicos 2020 acolhe 11 mil atletas de mais de 200 nacionalidades, e tem arranque marcado para a próxima sexta-feira.

A SIC em Tóquio