Vacinar Portugal

Covid-19. Vacina protege de infeção grave mesmo com novas variantes

0,09% de vacinados foram infetados em Portugal.

Os dados mais recentes da Direção-Geral da Saúde apontam para uma baixa taxa de infetados entre os portugueses com a vacinação completa. Os investigadores defendem que esta é mais uma prova que as vacinas diminuem o número de casos graves das doenças.

Dos dois milhões e meio de portugueses com as duas doses, 2.357 contraíram a doença e desses apenas 52 foram internados. Os números são da Direção-Geral da Saúde.

A eficácia das vacinas da Pfizer e da Moderna é à volta de 90%.

Alexandrina Ferreira Mendes, professora da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra, realça que as várias vacinas são eficazes em relação à prevenção dos sintomas da covid-19 e que protegem da variante Delta.

Mais de 38% dos portugueses tem a vacinação completa e 60% já tomou uma dose. Para quem defende a vacinação isto quer dizer que é importante continuar a tentar quebrar a cadeia de transmissão do vírus através, por exemplo, do uso da máscara e do distanciamento social.