A vacinação em Portugal e no Mundo

Covid-19. EUA recomendam suspensão da vacina da Johnson & Johnson

SHANNON STAPLETON

Primeiro lote de vacinas da Janssen chega esta quarta-feira a Portugal.

Autoridades de saúde dos Estados Unidos recomendaram hoje "uma pausa" na administração da vacina anti-covid-19 de dose única Johnson & Johnson, para permitir investigar relatos de coágulos sanguíneos potencialmente associados à toma do fármaco.

O Centro para Controlo e Prevenção de Doenças e a Food and Drug Administration (entidade reguladora de alimentos e medicamentos dos Estados Unidos) avançaram, numa declaração conjunta, estar a investigar coágulos sanguíneos detetados em seis mulheres nos dias a seguir a terem tomado a vacina desta farmacêutica, em combinação com contagens de plaquetas reduzidas.

Há ainda uma mulher que está internada em estado grave no Nebrasca.

Mais de 6,8 milhões de doses da vacina Johnson & Johnson (J&J) foram já administradas nos Estados Unidos.

Vacina da Janssen deverá chegar a Portugal esta semana

Portugal vai receber na quarta-feira 30 mil vacinas contra a covid-19 da Janssen, a farmacêutica do grupo norte-americano Johnson & Johnson.

Até ao final do ano, está prevista a chegada de 4,5 milhões de doses desta vacina, que exige apenas uma toma e que pode ser armazenada até três meses num frigorífico normal, entre os 2ºC e os 8ºC.