Os números da Covid-19

Portugal com mais 10 mortes e 1.247 novos casos de covid-19 em 24 horas

Armando Franca / AP

O último balanço da Direção-Geral da Saúde.

Portugal contabiliza esta quarta-feira mais 10 mortes e 1.247 novos casos de covid-19, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 17.882 mortes e 1.058.347 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando hoje ativos 35.540 casos, menos 449 em relação a ontem.

O boletim da DGS revela que estão internados 527 doentes, menos 24 do que ontem. Nos cuidados intensivos estão 119 doentes, mais três.

Os dados indicam ainda que mais 1.686 doentes foram dados como recuperados, fazendo subir para 1.004.925 o número total de recuperados desde o início da pandemia em Portugal, em março de 2020.

As autoridades de saúde têm sob vigilância 33.352 contactos, menos 1.951 relativamente ao dia anterior.

A área de Lisboa e Vale do Tejo, com 457 novos casos, e a região Norte, com 380, têm 67,1% do total das novas infeções verificadas nas últimas 24 horas.

As mortes ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo (2), na região Norte (4), na região Centro (2), no Alentejo (1) e no Algarve (1).
Relativamente às idades das vítimas, cinco tinham mais de 80 anos, duas entre os 70 e os 79, e três entre os 50 e os 59 anos.

Taxa de incidência e índice de transmissibilidade

A taxa de incidência nacional de infeções com SARS-CoV-2 nos últimos 14 dias voltou hoje a baixar, de 208,3 para 191,1 casos por 100 mil habitantes, e o índice de transmissibilidade desceu para 0,84.

Já relativamente a Portugal continental, o boletim epidemiológico conjunto da Direção-Geral da Saúde e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge divulgado hoje revela que a taxa de incidência (média de novos casos por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias) baixou de 214 para 196,1.

O Rt - que estima o número de casos secundários de infeção resultantes de uma pessoa portadora do vírus - está hoje em 0,84 a nível nacional e em 0,83 em Portugal continental.

Na segunda-feira estava em 0,85 a nível nacional e 0,87 em Portugal continental.

Os dados do Rt e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias - indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia - são atualizados pelas autoridades de saúde à segunda-feira, à quarta-feira e à sexta-feira.

António Costa garante que a pandemia de covid-19 está quase controlada

O primeiro-ministro voltou esta quarta-feira a dar por garantido que a pandemia de covid-19 está praticamente controlada em Portugal.

Para assinalar o novo ano letivo, António Costa visitou o Agrupamento de Escolas Dona Filipa de Lencastre, em Lisboa, em conjunto com o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

O chefe de Governo agradeceu à comunidade escolar, referiu-se a um ponto de viragem e, no discurso, utilizou sempre o tempo "passado".

Portugal tem todos os idosos vacinados e 80% da população com vacinação completa

Portugal já tem 80% da população com vacinação completa contra a covid-19 e 85% com pelo menos uma dose administrada, segundo dados oficiais divulgados esta terça-feira. Mais de metade dos jovens entre os 12 e os 17 anos e todos os idosos acima dos 65 anos já têm vacinação completa.

O relatório de vacinação contra a covid-19 da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado esta terça-feira, contabiliza 8.836.915 residentes em Portugal (85%) com pelo menos uma dose de vacina administrada e 8.273.795 (80%), com a vacinação completa.

Portugal é dos países europeus com mais jovens vacinados

Quase 85% dos jovens dos 12 aos 17 anos já têm pelo menos uma dose da vacina contra a covid-19 e mais de metade, 52,9%, já têm a vacinação completa.

Portugal é um dos países europeus onde o processo está mais avançado, um indicador que ganha importância agora que arranca o novo letivo.

Pandemia já fez mais de 4,6 milhões de mortos no mundo

A covid-19 provocou pelo menos 4.636.530 mortes em todo o mundo, entre mais de 225,18 milhões de infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

A covid-19 é uma doença respiratória causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China. Entretanto surgiram novas variantes, nomeadamente as identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

A grande maioria dos pacientes recupera, mas uma parte evidencia sintomas por várias semanas ou até meses.

Links úteis

Mapa com os casos a nível global