Mundo

Ex-Presidente do Sudão transferido para prisão de alta segurança

Shiraaz Mohamed

Omar al-Bashir está indiciado por crimes de guerra contra a humanidade.

O ex-Presidente do Sudão, Omar al-Bashir, foi transferido esta quarta-feira para uma prisão de alta segurança.

Está indiciado por crimes de guerra e crimes contra a humanidade pelo Tribunal Penal Internacional. Em causa, está o genocídio no Darfur, que levou à morte de 300 mil pessoas.

Na passada quinta-feira, os militares do Sudão destituíram Omar al-Bashir do cargo de presidente, depois de semanas de protestos.

Milhares de sudaneses permanecem ainda nas ruas e exigem rapidamente um Governo civil em Cartum.