Mundo

Kim Kardashian recebe indemnização de 2,7 milhões de dólares

Mario Anzuoni/ Reuters

A estrela da televisão norte-americana recebeu 2,7 milhões de dólares (2,3 milhões de euros) de indemnização depois de vencer um processo contra a marca Missguided USA, que acusou do uso indevido da sua imagem.

Kim levou a marca a tribunal nos Estados Unidos, alegando que esta usava o seu nome e imagem para aumentar as vendas e acusou também a marca de “roubar” os modelos de estilistas por ela utilizados.

A marca perdeu e foi condenada a pagar aproximadamente 2,5 milhões de euros à "socialite", para além te ter também sido proibida de usar a imagem de Kim para efeitos de marketing da empresa.

No processo, Kim Kardashian acusou a marca de “utilizar constantemente o nome e imagem” de outras estrelas para promover os seus produtos.

Nas publicações, a marca vendia peças similares às que Kim usava. Em algumas delas, o perfil chegava a usar fotos da própria modelo.

Já em fevereiro, a estrela de televisão norte-americana se tinha insurgido no Twitter contra as empresas que faziam um uso indevido da sua imagem e das suas roupas, obras originais de "verdadeiros estilistas".