Mundo

Ataque à bomba junto à Embaixada da Rússia no Afeganistão

Ataque à bomba junto à Embaixada da Rússia no Afeganistão
Muhammad Furqan Photography
Bombista suicida foi morto pelos guardas da embaixada em Cabul.

Um bombista suicida detonou esta segunda-feira vários explosivos junto à entrada da Embaixada da Rússia, em Cabul, no Afeganistão. Pelo menos duas pessoas morreram e 11 ficaram feridas no ataque.

Segundo as autoridades afegãs, o atacante foi morto pelos guardas de embaixada quando tentou aproximar-se da porta de entrada do edifício.

O incidente ocorreu “em frente à embaixada russa, quando o bombista suicida tentou atacar o chefe de segurança da embaixada”, disse à EFE Mawlawi Sabir, chefe da polícia do distrito onde o ataque teve lugar.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros russo confirmou que a explosão matou dois membros do pessoal da embaixada, mas sem dar mais pormenores.

A Rússia foi um dos poucos países a manter a embaixada em Cabul, depois dos talibãs subirem ao poder, há mais de um ano.

Embora o Kremlin não reconheça, oficialmente, o governo Talibã, as duas partes estão em conversações sobre um possível acordo de fornecimento de combustíveis e outros produtos.

Últimas Notícias
Mais Vistos