Mundo

Furacões, supertufões, tempestades ameaçam localidades costeiras dos EUA e Canadá às Filipinas

Loading...

Populações preparam-se para os fortes ventos e chuva levados pelo furacão Fiona, pela tempestade Ian e pelo supertufão Noru.

A tempestade Fiona deixou um rasto de destruição na costa leste do Canadá. Dezenas de casas foram arrastadas pela força da água. Nos Estados Unidos, a Florida declarou estado de emergência devido à chegada da tempestade Ian. As Filipinas estão em alerta máximo devido ao tufão Noru.

É uma das piores tempestades dos últimos 50 anos a atingir a costa leste do Canadá.

A tempestade Fiona trouxe ventos fortes, com rajadas superiores aos 170 quilómetros por hora, chuva torrencial e forte agitação marítima.

Arrastou casas, carros, pontes, e transformou as ruas em autênticos rios. O cenário é de destruição, sobretudo na Nova Escócia, na Ilha Príncipe Edward, em Terra Nova e no Quebec.

Várias províncias declararam estado de emergência. Mais de 500 mil casas ficaram sem eletricidade. Centenas de pessoas foram retiradas de casa.

A preocupação são agora os trabalhos de limpeza e a reparação da rede elétrica e de telecomunicações que podem demorar semanas. As forças armadas foram destacadas para ajudar nas limpezas.

Pelo menos duas pessoas foram arrastadas pela força da água, uma delas foi resgatada, outra continua desaparecida, mas até ao momento, não há registo de mortes.

Nos últimos dias, a passagem do furacão pelas ilhas das Caraíbas provocou, pelo menos, 5 mortes, e deixou milhões sem eletricidade.

Estão agora em alerta devido à tempestade tropical Ian que pode evoluir para furacão nos próximos dias. A tempestade deverá atingir os Estados Unidos no início da semana.

Os residentes na Flórida já estão a preparar-se para a chegada da tempestade. Foi declarado estado de emergência em todo o território devido ao risco de inundações e ventos fortes.

No outro ponto do globo, também nas Filipinas foi emitido um alerta de emergência máxima devido à aproximação do supertufão Noru.

As autoridades ordenaram a evacuação em zonas costeiras e suspenderam o tráfego marítimo.

Últimas Notícias
Mais Vistos