Mundo

Chris Hipkins toma posse primeiro-ministro da Nova Zelândia

Chris Hipkins toma posse primeiro-ministro da Nova Zelândia
Robert Kitchin

Chris Hipkins assume o cargo após a demissão inesperada de Jacinda Ardern, na semana passada. Promete uma ação focada na economia e no que descreveu como a "pandemia de inflação".

Chris Hipkins tomou posse esta quarta-feira como 41.º primeiro-ministro da Nova Zelândia, na sequência da demissão inesperada de Jacinda Ardern, na semana passada.

Hipkins, de 44 anos, prometeu uma ação focada na economia e no que descreveu como a "pandemia de inflação".

Vai ter menos de nove meses antes das eleições gerais, quando as sondagens colocam o seu Partido Trabalhista atrás dos conservadores.

A governadora-geral da Nova Zelândia, Cindy Kiro, dirigiu a cerimónia.

Hipkins foi ministro da Educação e da Polícia durante o mandato de Jacinda Ardern. Ganhou destaque público durante a pandemia do novo coronavirus, que assumiu funções de gestor da crise. Mas ele, tal como outros liberais, estava na sombra de Ardern, que se tornou um ícone global da esquerda política e exemplificou um novo tipo de liderança.

Ardern teve na terça-feira o seu último aparecimento público enquanto chefe do governo, dizendo que o que lhe vai deixar mais saudade são as pessoas, porque foram "a alegria do cargo".

Loading...

O chefe de Estado neo-zelandês é o Rei Carlos III, do Reino Unido, e Kiro é a sua representante na Nova Zelândia, mas as relações desta com a monarquia britânica são essencialmente simbólicas.

Últimas Notícias
Mais Vistos