País

Paula Brito da Costa constituída arguida no processo da Raríssimas

Paula Brito da Costa constituída arguida no processo da Raríssimas

Paula Brito da Costa foi constituída arguida no âmbito da operação Raríssimas desenvolvida pela Polícia Judiciária e Ministério Público. A informação foi avançada esta quinta-feira pela Procuradoria-Geral da República, que confirmou ainda as buscas que estão a decorrer na Casa dos Marcos, na residência da antiga presidente da Raríssimas, e na residência do ex-secretário de Estado Manuel Delgado.

A operação está a ser conduzida pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

As buscas estão a decorrer em Lisboa, Odivelas, Queluz e na Moita, com a intervenção de 18 elementos da Polícia Judiciária, dois magistrados do Ministério Público, dois especialistas da Unidade de Perícia Financeira e Contabilística da Polícia Judiciária e nove técnicos da Unidade de Tecnologia e Informação da PJ.

  • Boris Johnson foi alvo de críticas e elogios
    2:35