País

A nova casa de 21 imigrantes em Odemira

Foram realojados na Pousada da Juventude de Almograve onde terão condições para viver.

Um autocarro chegou à Pousada da Juventude de Almograve, Odemira, por volta das 02:30 da manhã. Lá dentro seguiam 21 imigrantes, todos homens, que até aqui viviam sem condições.

À chegada, foi preciso cumprir as formalidades e o idioma revelou ser o principal entrave na comunicação entre quem chega e quem recebe.

No plano inicial, a Pousada de Almograve iria receber apenas imigrantes infetados com covid-19. Mas ao que a SIC apurou foram criadas duas alas, uma para infetados, outra para não infetados, que é o caso destes 21 que deram entrada de madrugada. Todos testaram negativo ao coronavírus.

Muitos destes imigrantes viviam em casas sobrelotadas. Agora ficarão dois a dois em cada quarto que para além das duas camas individuais tem também casa de banho.