País

Autoridades fiscalizam empresas agrícolas no concelho de Odemira

Elementos da GNR, SEF, Autoridade para as Condições do Trabalho, equipas do SNS e Segurança realizam ações de fiscalização para confirmar se estão a ser cumpridas todas as normas.

As autoridades estão a fiscalizar empresas agrícolas no concelho de Odemira. Precisam de "ver os passaportes", pedem "os documentos" e confirmam "se há alguma situação de exploração laboral".

Na herdade, onde uma equipa da SIC acompanhou a visita, estão agora a trabalhar cerca de 30 pessoas com testes negativos feitos este domingo. Dizem os que aqui restam que são precisos muitos mais trabalhadores.

Todos os dias têm sido feitas ações deste género no concelho de Odemira e, neste momento, há 32 inquéritos-crime a decorrer.

Também esta segunda-feira a GNR fiscalizou um total de 792 trabalhadores no cordão sanitário nas duas freguesias de Odemira. As autoriades recusaram a entrada de 155 pessoas por não apresentarem testes negativos à covid-19.

VEJA TAMBÉM: