País

Odemira. Marcelo diz que país precisa de imigrantes, mas não comenta pedidos de demissão de ministro

Presidente da República diz que é preciso "encarar o problema". 

Marcelo Rebelo de Sousa voltou a comentar a situação em Odemira. Diz que o país precisa dos imigrantes e que é preciso dar-lhes as condições que merecem.

O Presidente da República não quis pronunciar-se sobre os vários pedidos de demissão do ministro Eduardo Cabrita e lembrou os poderes presidenciais.

Marcelo fez questão de dizer que viu como uma coincidência positiva haver uma cimeira social de líderes europeus ao mesmo tempo que o país está a braços com a situação dos imigrantes em Odemira.

"Nós precisamos dos imigrantes", defendeu.

À esquerda, a coordenadora do Bloco de Esquerda junta-se às críticas ao ministro Eduardo Cabrita e à direita. De visita a Odemira, Catarina Martins defendeu uma alteração a lei para penalizar quem recorre ao trabalho forçado.

A bancada parlamentar do PS fez saber que tem um grupo de trabalho sobre tráfico de seres humanos desde novembro.

Veja também:

  • Vamos falar de jejum: era capaz de ficar 16 horas por dia sem comer?

    País

    O jejum intermitente é um regime alimentar que impõe um período de restrição alimentar. Existem vários modelos, mas o mais conhecido é dividido em 16 horas de jejum e oito horas em que pode comer livremente. Os especialistas reconhecem benefícios nesta prática, mas afirmam que a investigação científica ainda é escassa.

    Exclusivo Online

    Filipa Traqueia