País

Buscas na Presidência do Conselho de Ministros "não incluíram gabinetes de membros do Governo"

Loading...
Em causa estão suspeitas de corrupção. Principal alvo é o secretário-geral da Presidência do Conselho de Ministros.

O secretário de Estado da Presidência do Conselho, André Moz Caldas, confirmou que na Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros foi alvo de buscas esta quinta-feira de manhã.

André Moz Caldas adianta que estas buscas aconteceram a nível dos serviços e não incluíram gabinetes de membros do Governo.

A Presidência do Conselho de Ministros está a acompanhar a situação e espera que o caso seja investigado com celeridade para que o prestígio das instituições não seja afetado.

A Polícia Judiciária fez buscas em vários postos de trabalho. Em causa estão suspeitas de corrupção, sendo o alvo principal da operação o secretário-geral da Presidência do Conselho de Ministros, David Xavier.

A operação de buscas consiste em recolher prova que possa ser útil para esta investigação, para uma fase preliminar.

O secretário terá obtido benefícios pessoais através de subornos, na aquisição para o Estado de sistemas informáticos a uma determinada empresa localizada no Norte, que também está a ser alvo de buscas.

O DCIAP confirma que estão a ser alvos de buscas cinco locais , “abrangendo sociedades comerciais, empresas de contabilidade, residências particulares e organismos de administração pública".

As diligências estão a decorrer nas regiões de Lisboa, Coimbra, Porto e Braga, informa o DCIAP através de um comunicado.

Para já, não foram constituídos arguidos e o inquérito encontra-se em segredo de justiça.

Últimas Notícias
Mais Vistos