País

Cerca de 100 pessoas retiradas na Amadora já estão a regressar a casa

Cerca de 100 pessoas retiradas na Amadora já estão a regressar a casa
ANTÓNIO PEDRO SANTOS

A informação foi confirmada pelo ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, que pediu precaução à população.

Mais de uma centena de pessoas tiveram que sair temporariamente das suas casas na sequência das fortes chuvas de quarta-feira, que atingiram sobretudo os distritos de Lisboa e Setúbal.

Devido a um deslizamento de terras a cerca de 200 metros das habitações do bairro, as autoridades retiraram por precaução cerca de 100 pessoas a partir das 01:00 horas.

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, confirmou que os habitantes estão a regressar a casa.

Loading...

A retirada dos moradores do Casal de São Vicente, na freguesia de Mina de Água, levou a que duas pessoas passassem a noite no antigo mercado de Carenque, ponto municipal de resposta face à situação de mau tempo vivida na Grande Lisboa.

Esta quinta-feira, em Bruxelas, onde participou num Conselho de Ministros europeu, José Luís Carneiro também deixou condolências à família da mulher de 75 anos que morreu presa numa cave em Algés. Aproveitou ainda para apelar à responsabilidade de todos.


Loading...

As palavras do ministro da Administração Interna surgem num dia em que se esperam chuvas fortes. A Câmara Municipal de Lisboa pediu aos cidadãos para evitarem saídas noturnas.

Hoje, o IPMA elevou os avisos de Lisboa, Leiria, Setúbal, Santarém e Faro para laranja devido à chuva. Nos mesmos distritos, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) elevou o estado de alerta para laranja até às 23:59 de sexta-feira devido às chuvas fortes que se fazem sentir no continente.