Polígrafo

Covid-19. Infecciologista alerta que "claramente não é uma doença de idosos"

Entrevista Polígrafo SIC

O infecciologista Kamal Mansinho em entrevista ao Polígrafo SIC.

Kamal Mansinho explicou em entrevista ao Polígrafo SIC quais os fatores agravantes associados à covid-19 e garante que esta "não é uma doença de idosos".

Sobre o futuro da pandemia, o infecciologista explica que na primeira fase, os vírus novos não têm um padrão específico ou sazonalidade, mas que entre os dois e os cinco anos vão tendo “vários ciclos e ondas”.

Alerta, por isso, para a importância dos comportamentos individuais no que diz respeito ao combate do coronavírus e explica que a propagação deverá começar a diminuir a partir da altura em que parte da comunidade adquire imunidade.

Kamal Mansinho afirma ainda que Portugal vai viver períodos muito difíceis atendendo aos números de casos das útlimas semanas e que a preparação para uma segunda vaga da pandemia implica um trabalho progressivo e sempre atento a todos os fatores.

Veja também: