Desporto

Casas de Bruno Lage, Pizzi e Rafa vandalizadas

Incidente surge após o autocarro da equipa do Benfica ter sido apedrejado.

As casas do treinador, Bruno Lage, e dos jogadores do Benfica, Pizzi e Rafa, foram grafitadas com ameaças na noite de quinta-feira, após o empate da equipa por 0-0 com o Tondela, no regresso da Primeira Liga.

A PSP está a investigar o caso.

​​​​​​​

Este incidente surge após o autocarro da equipa do Benfica ter sido apedrejado, na quinta-feira à noite, à saída da A2, quando se dirigia para o centro de estágios do clube, no Seixal.

As imagens dos danos provocados no autocarro do Benfica

Os jogadores Weigl e Zivkovic foram transportados para um hospital de Lisboa, por terem sido atingidos com estilhaços.

Em comunicado, o clube da Luz confirmou que o autocarro foi alvo de um "criminoso apedrejamento" e confirmou que os dois futebolistas foram conduzidos ao hospital para "serem observados, na sequência dos estilhaços que os atingiram".