Economia

"É a procura que devia ditar a dimensão da TAP"

Entrevista SIC Notícias

Entrevista ao especialista internacional de Transporte Aéreo, Paulo Nunes.

Paulo Nunes, especialista internacional de Transporte Aéreo, defende que a procura deveria ditar a dimensão da TAP, explicando que a frota, os funcionários e todos os parâmetros da operação devem depender da capacidade do mercado.

"Se à partida estamos a dizer que TAP vai ter 88 aviões, espero que o mercado esteja capaz de absorver a capacidade dos 88", disse o especialista.

Sobre o plano de reestruturação da companhia aérea nacional, Paulo Nunes espera que seja aprovado e que seja forte o suficiente para recuperar a TAP.

"Há uma grande volatilidade no mercado", disse, acrescentando que o setor sofreu quebras na procura na ordem dos 60%.

Portugal depende muito do turismo, afirma o especialista, esclarecendo que planear o futuro num contexto de quebra e de mercados fechado torna-se "muito difícil", o que exige uma abordagem mais prudente.