Economia

"Não será um ano genial, mas será melhor do que receávamos", diz Lagarde

Loading...

A presidente do Banco Central Europeu sublinha que vai manter a subida das taxas de juro.

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, diz que o ano de 2023 não será "genial", mas adianta que será melhor que o previsto.

Em Davos, durante o Fórum Económico Mundial, Lagarde não esconde que a inflação está "demasiado alta", mas a determinação do BCE é baixar a taxa para os 2%, "o mais depressa possível". Deste modo, o rumo é manter a subida das taxas de juro.

"Já aumentámos as taxas de juro em 250 pontos base. E vamos manter este rumo até ao momento em que atinjamos um limite por tempo suficiente".

A presidente do BCE sublinha que os dados económicos têm sido muito mais positivos e que se houver uma contração económica será moderada. As previsões para crescimento económico para 2023 são de 0,5%.

Últimas Notícias
Mais Vistos