Autárquicas

Fernando Medina diz que campanha de Moedas tem sido focada em insultos pessoais

Candidato à câmara de Lisboa diz que o resultado das sondagens é o reconhecimento do trabalho que tem sido feito.

Fernando Medina diz que a campanha de Carlos Moedas tem-se focado em insultos pessoais. Em reação à sondagem que o coloca na frente da corrida, disse que é o reconhecimento do trabalho que tem sido desenvolvido.

Se as eleições autárquicas fossem esta quinta-feira, Fernando Medina seria reeleito presidente da Câmara de Lisboa, com um resultado de 42%. A sondagem do ICS e do ISCTE para a SIC e Expresso dá o segundo lugar a Carlos Moedas, que consegue 31% das intenções de voto.

"Nenhuma sondagem ganha eleições"

"O que este estudo também mostra é que quase dois terços dos liboetas aprovam a gestão que temos feito, quer antes da pandemia, quer durante, e isso é um sentimento importante para nós", começou por dizer Fernando Medina em declarações à SIC Notícias.

Carlos Moedas desafia Fernando Medina para debate a dois

Em reação às sondagens, Carlos Moedas disse que a campanha do adversário "está em declínio" e desafiou Fernando Medina para um debate a dois.


"Gostava de desafiar o meu oponente para um debate a dois publicamente para podermos debater estas ideias".


O candidato apoiado pelo PSD à Câmara Municipal de Lisboa disse ainda que Fernando Medina está desesperado por dar um um pelouro ao Livre.