Coronavírus

Papa adia visita planeada a Timor-Leste devido ao coronavírus

Vatican Media

O país continua sem casos de infeção confirmados.

Especial Coronavírus

O Papa Francisco adiou para 2021 uma visita oficial prevista para este ano a Timor-Leste devido à propagação do Covid-19, informou hoje o ministro dos Negócios Estrangeiros timorense.

Dionísio Babo Soares disse à Lusa que a confirmação do adiamento da visita, que incluía ainda vários outros países na região, incluindo a Indonésia, foi dada numa carta oficial entregue pelo encarregado de Negócios do Vaticano em Timor-Leste, Marco Sprizzi.

"Recebemos uma notificação ontem (segunda-feira) do Santo Padre a dizer que lamentavelmente não pode viajar este ano. A visita ficará adiada para 2021, mas a data está ainda por ser marcada", referiu.

A carta, assinada por Marco Sprizzi, e a que a Lusa teve acesso, nota que o adiamento se deve "à lamentável e ainda crescente difusão do vírus Covid-19" e a "incerteza de poder garantir nos próximos meses a adequada organização" da deslocação.

"Foi decidido adiar a mencionada visita para o próximo ano em data a ser definida", refere-se no texto.Sprizzi explica que a visita "não foi cancelada, mas apenas adiada com vista a um tempo mais propício".

O programa da visita do Papa Francisco a Timor-Leste incluía, entre outros, encontros com o Presidente e com o ex-Presidente Xanana Gusmão

Veja também: