Coronavírus

Bolsonaro cumpre isolamento que tanto criticou    

O Presidente brasileiro está a cumprir o isolamento no Palácio da Alvorada depois de ter anunciado estar infetado com Covid-19.

Especial Coronavírus

Limitado nos movimentos, desde que anunciou estar infetado com Covid-19, Jair Bolsonaro continua imparável nas redes sociais. No twitter garantiu que nenhum país do mundo preservou vidas e empregos como o Brasil, sem espalhar o pânico na população.

Considerações que ignoram os factos: o país continua a ser o segundo do mundo com o maior número de vítimas e casos confirmados. Nas últimas 24 horas ultrapassou a barreira das 68 mil mortes e a de 1 milhão e 700 mil infetados.

A pandemia veio também acelerar o crescimento da fome e pobreza em todo o país, atingindo os mais desprotegidos. A organização não-governamental Oxfam sinalizou o Brasil como zona emergente de fome extrema. A ONG diz que o Governo federal está a falhar no apoio às pessoas mais vulneráveis do país.

VEJA MAIS NO ESPECIAL NOVO CORONAVÍRUS

As notícias mais recentes em https://sicnoticias.pt/ultimas