Coronavírus

Covid-19 no Brasil. Última atualização aponta para 733 mortos e 20.286 novos casos

Pilar Olivares

O foco da pandemia é o Estado de São Paulo.

Especial Coronavírus

O Brasil registou 733 mortes devido à Covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando 72.833 óbitos desde o início da pandemia, informou hoje o executivo, acrescentando que investiga a ligação de 4.011 vítimas mortais com a doença.

Em relação ao número de infetados, o país sul-americano regista 1.884.967 casos confirmados, sendo que 20.286 desses foram contabilizados nas últimas 24 horas.

A taxa de letalidade da doença no país mantém-se nos 3,9%, momento em que 1.154.837 pacientes infetados já recuperaram da doença causada pelo novo coronavírus.

No momento, 657.297 infetados continuam sob acompanhamento no Brasil, segundo o Ministério da Saúde.Geograficamente, o sudeste brasileiro é a região mais afetada pela pandemia, com 647.352 casos diagnosticados e 33.036 mortes pela Covid-19, sendo imediatamente seguido pelo nordeste, cujos casos confirmados têm aumentado nas últimas semanas, num total de 635.612 infetados e 23.610 óbitos.

O foco da pandemia é o Estado de São Paulo (sudeste), que concentra 374.607 dos casos confirmados do país e 17.907 vítimas mortais. Na segunda posição encontra-se o Ceará (nordeste), totalizando 137.206 pessoas diagnosticadas e 6.947 mortos.

O Brasil, com uma população estimada de 210 milhões de pessoas, tem hoje uma incidência de 34,7 óbitos e 897 casos da doença por cada 100 mil habitantes.

Já um consórcio formado pela imprensa brasileira, que decidiu colaborar na recolha de informações junto das secretarias de Saúde estaduais, anunciou que o país registou 770 mortes e 21.783 novos infetados nas últimas 24 horas, números superiores aos avançados pelo executivo.

No total, o consórcio formado pelos principais media do Brasil indicou que o país totaliza 1.887.959 casos e 72.921 vítimas mortais desde o início da pandemia.

Regras de combate à Covid-19 não estão a ser cumpridas nas praias do Brasil

Com mais de 72 mil mortes por Covid-19, a pandemia no Brasil tem registado números estáveis, mas estes números ainda permanecem muito altos e a população tem diminuído o distanciamento social.

No domingo houve muito movimento e descumprimento de regras de distanciamento nas áreas de lazer cariocas. É permitido nadar e fazer surf nas praias cariocas, mas é proibido permanecer na areia.

OMS alerta que há países a seguir a direção errada

A Organização Mundial de Saúde disse que num futuro próximo não haverá um regresso à normalidade e alertou que a pandemia vai piorar se não forem seguidas as medidas sanitárias básicas.

A OMS disse ainda que há demasiados países a seguir uma direção errada.

A pandemia de Covid-19 já provocou mais de 569 mil mortos e infetou mais de 13 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.