Coronavírus

Uso de máscara na rua passa a ser obrigatório quando não for possível haver distanciamento

Ministra da Saúde disse que a medida já estava em vigor, mas que é difícil de fazer cumprir.

Especial Coronavírus

Sempre que não for possível manter os dois metros de distanciamento, passa a ser obrigatório o uso de máscara. Mesmo que se esteja na rua. A medida já está em vigor, mas Marta Temido, ministra da Saúde, admite que é difícil fazer cumprir esta regra.

“Recordo que esta já é a recomendação da DGS que o Ministério da Saúde pugna por fazer cumprir”, disse a ministra durante a conferência de imprensa diária.

Itália foi o primeiro país a voltar a instituir a máscara obrigatória nas ruas. Quem não usar poderá arriscar-se a pagar uma multa que vai dos 400 aos 1.000 euros.