Coronavírus

Governo clarifica as medidas: “É para ficar em casa”

Bento Rodrigues resume o anúncio feito por António Costa sobre as medidas a aplicar este fim de semana.

Especial Coronavírus

O Governo anunciou esta quinta-feira medidas ainda mais duras a aplicar este fim de semana e no próximo. O primeiro-ministro reconhece que falhou na comunicação das novas medidas de contenção da pandemia e assumiu a culpa por isso. Na conferência de imprensa, Costa clarificou a mensagem: “É para ficar em casa”.

Este fim de semana começam já as novas regras do estado de emergência. O comércio e os restaurantes nos concelhos de risco elevado vão ter de fechar portas às 13h00, no sábado e no domingo, e só poderão abrir no dia seguinte às 8h00. Esta decisão pretende evitar que o comércio tente fintar as regras, abrindo mais cedo do que o horário normal estipulado.

Os restaurantes podem continuar a trabalhar depois das 13h00 mas apenas para serviços de take away, não podem receber clientes.

As exceções à regra aplicam-se às lojas de comida até 200m2 que tenham porta para a rua, as padarias e as farmácias, assim como consultórios médicos e veterinários, bombas de gasolina e agências funerárias.

  • 1:41