Coronavírus

Hospitais sob pressão. Número de internados atingiu novo máximo

Ordem dos Médicos alerta para adiamentos de cirurgias e exames por causa da covid-19. 

Saiba mais...

A Ordem dos Médicos alerta para o impacto do cancelamento de cirurgias e exames por causa da resposta à pandemia de covid-19.

A pressão nos hospitais é tão elevada que já está a obrigar à abertura de hospitais de campanha pelo país e à transferência de doentes entre regiões.

Numa semana, surgiram mais de 56 mil novos casos de infeção e há 10 dias que os internamentos não param de subir. Mesmo com os planos de contingência no nível mais elevado, há hospitais que não estão a conseguir abrir mais alas dedicadas à covid-19, sobretudo por falta de profissionais.

A situação é mais crítica em Lisboa, onde quase todos os hospitias já atingiram o limite. No entanto, a situação também está a complicar-se no Centro e no Norte do país.

Hospitais no limite. Ordem dos Médicos diz que estão todos no vermelho

A Ordem dos Médicos diz que praticamente todos os hospitais do país estão no vermelho com limite de capacidade e cirurgias adiadas.

O aumento do número de casos de covid-19 tem feito soar o alarme nos hospitais do país. A Ordem dos Médicos fala numa situação dramática e culpa o Governo por não ter agido mais cedo

A Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares emitiu uma nota em que fala do aumento das dificuldades para os serviços de saúde, profissionais e doentes com a evolução da pandemia. Apela ao sentido de responsabilidade de todos para que seja possível garantir a resposta às necessidades da população.