Coronavírus

Fila de ambulâncias no Hospital Santa Maria. Bombeiros fizeram protesto silencioso

28.01.2021 07:34

Loading...

Santa Maria apela ao recurso de ambulância apenas em casos urgentes.

O Hospital Santa Maria lançou um apelo à população para apenas recorrer de ambulância às urgências covid-19 em situações justificadas. Em causa está a elevada afluência na unidade de urgência, confirmada com as elevadas filas que têm acontecido nos últimos dias.

Chegaram a ser cerca de 30 as ambulâncias com doentes covid ou com sintomas à espera à porta das urgências do hospital Santa Maria. Esta noite não foi diferente do que aconteceu nos últimos dias.

Bombeiros protestaram em silêncio

Os bombeiros que esperaram durante a noite fizeram um protesto silencioso. As luzes de emergência das ambulâncias foram ligadas de forma intermitente. Pretendiam chamar à atenção para o tempo de espera dos doentes, alguns estavam no local desde a manhã de quarta-feira. Exigiam ainda mais medidas ao Governo: mais meios e profissionais de saúde.

Mas o protesto foi curto. O hospital exigiu que as luzes fossem desligadas porque podiam perturbar os doentes.

Só 15% dos doentes transportados em ambulância apresentam situações que justificam a urgência hospitalar

Em comunicado, o Centro Hospitalar Lisboa Norte diz que apenas 15% dos doentes transportados em ambulância apresentam situações que justificam a urgência hospitalar. Os restantes 85% são casos triados com prioridade verde ou azul, uma sobrecarga que dizem ser evitável.

O Santa Maria pede à população para apenas recorrer de ambulância às urgências covid em situações justificadas.

No caso de ausência de sintomas ou com sintomas ligeiros, os doentes são aconselhados a ir ao centro de saúde.

O objetivo é garantir que os recursos hospitalares são concentrados no tratamento dos doentes mais graves.

O hospital Santa Maria é um dos mais pressionados com o agravamento da pandemia: tem neste momento mais de 300 camas dedicadas aos doentes infetados. A urgência covid está em processo de ampliação de "33 para 51 postos de atendimento em simultâneo", um reforço que deverá estar concluído no próximo fim de semana.

Últimas Notícias
Mais Vistos