Eleições no Brasil

De "ladrão" a "chucro": Bolsonaro e Lula trocam farpas nas vésperas das eleições

Loading...
As presidenciais no Brasil são já no próximo domingo e os dois principais candidatos têm trocado várias acusações.

As eleições presidenciais no Brasil são já no próximo domingo e os dois principais candidatos intensificam as campanhas eleitorais e trocam acusações. Jair Bolsonaro chama Lula da Silva de ladrão, já o ex-chefe de Estado promete revelar todos os segredos do atual Presidente.

A menos de uma semana das eleições a tensão entre os dois principais candidatos intensifica-se.

Jair Bolsonaro acusou Lula da Silva de ser ladrão e de ter roubado o Brasil durante 14 anos. Lula da Silva, por outro lado, afirmou que o atual Presidente acabou com o respeito internacional que o Brasil sempre teve e garantiu que, “quando for eleito”, “vai tomar conta” dos brasileiros.

À entrada da última semana de campanha eleitoral, Lula da Silva aparece à frente nas sondagens, com 47% das intenções de voto, e garante que irá expor todas as irregularidades do opositor.

“Todos os dias ele (Bolsonaro) diz: 'Não sou um ladrão'. Ele vai ver se é ou não um ladrão quando eu assumir o controlo e puser fim a esta segurança de 100 anos. Ele cria um decreto para qualquer coisa pequena. Se alguém diz: 'vamos investigar o seu filho', ele determina um decreto de 100 anos de segurança”, atirou o principal adversário de Bolsonaro.

No passado sábado aconteceu o segundo debate entre os vários candidatos, sem a presença de Lula da Silva. Já o último embate entre todos os opositores irá decorrer esta quinta-feira.

Últimas Notícias