Eleições nos EUA

Trump "não admite que perde" e "quer sair como Presidente". Washington a dois dias da posse de Biden

Relato do correspondente da SIC nos Estados Unidos, em direto de Washington.

O correspondente da SIC nos Estados Unidos, Luís Costa Ribas, explica que a operação de segurança em Washington deve-se à preocupação de terrorismo doméstico, ou seja, grupos extremistas norte-americanos que foram ganhando reconhecimento ao longo do mandato de Donald Trump.

O Pentágono autorizou a deslocação de 25 mil militares para a tomada de posse de Joe Biden. A dois dias da cerimónia, a capital dos Estados Unidos já tem várias ruas estão cortadas. Está fortificada com barreiras, arame farpado e atiradores especiais em telhados e edifícios estratégicos.

Em direto de Washington, onde vai decorrer a posse de Joe Biden na quarta-feira, o correspondente da SIC lembra a invasão ao Congresso norte-americano há cerca de duas semanas.

"Um homem como Donald Trump não admite que perde e, como não admite que perde, na manhã da investidura de Biden, vai partir de uma base aérea nos arredores de Washington no avião presidencial e encomendou para si próprio uma cerimónia de despedida com guarda de honra, bandas militares, tapete vermelho e uma salva de 21 canhões. Quer sair como ainda Presidente, em grande", conta Luís Costa Ribas.

  • Quem és tu, César?

    Extremos

    Quando a investigação da SIC percebeu que a vida publicada de César do Paço poderia ser fruto da imaginação do protagonista, fizemos alguns esforços para conhecer a verdadeira face do empresário. O essencial dessas descobertas será revelado na Grande Reportagem "Cifrões e outros demónios, 2ª edição", último episódio da série "A Grande Ilusão", mas o detalhe dos dois doutoramentos revelamo-lo já aqui.

    Pedro Coelho

  • 0:23