Presidenciais

Presidenciais. Ana Gomes afirma querer travar o “centrão dos interesses”

A candidata reagiu à carta de apoio a Marcelo Rebelo de Sousa assinada por 22 socialistas.

Ana Gomes andou por Braga e acusou alguns políticos de defenderem o “centrão de interesses” que, segundo diz, existe em Portugal. As declarações surgem no dia em que foi conhecida uma carta de apoio à candidatura de Marcelo de Rebelo de Sousa assinada por 22 socialistas.

A carta não surpreendeu a candidata que diz sentir-se apoiada pelos socialistas. Entre os nomes que são incluídos na carta está Fernando Medina e Vieira da Silva.

A candidata afirma que “incomoda” e que tem como objetivo travar o “centrão dos interesses” e a extrema-direita.

Veja mais no Especial Presidenciais

  • O exemplo inglês 

    Opinião

    Na década de oitenta, as tragédias de Heysel Park primeiro e de Hillsborough depois, atiraram a credibilidade do futebol inglês para a sarjeta.

    Duarte Gomes