Presidenciais

Sindicalistas socialistas e independentes da CGTP-IN apoiam Ana Gomes

TIAGO PETINGA / LUSA

Destacam as provas dadas pela candidata em causas progressistas.

Mais de 50 sindicalistas socialistas e independentes da CGTP-IN manifestaram hoje apoio a Ana Gomes nas eleições presidenciais que se realizam no domingo, destacando provas dadas pela candidata em causas progressistas.

Em comunicado, o grupo realça que Ana Gomes "representa a área socialista e da esquerda democrática, é uma reconhecida e valorosa militante do Partido Socialista, com provas dadas durante dezenas de anos de empenhamento em causas progressistas e que fez dos ideais de Abril a sua opção de vida".

Destacam também a necessidade de, em tempos incertos, ter na Presidência da República "alguém que defenda os serviços públicos (saúde, educação e segurança social) e que lute por uma sociedade mais justa onde o trabalho digno, a valorização salarial, sejam objetivos para se valorizar o trabalho e os trabalhadores".

Do grupo fazem parte o histórico dirigente sindical Carlos Trindade (Secretário-Geral da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN); Fernando Gomes, Juan Ascenção, Luís Dupont, Maria Fernanda Moreira e Vivalda Silva, todos membros da Comissão Executiva da CGTP-IN.

Apoiam ainda esta candidatura 12 membros do Conselho Nacional da CGTP-IN e vários presidentes de direções Sindicais.

As eleições presidenciais, que se realizam em plena epidemia de covid-19, estão marcadas para 24 de janeiro e esta é a 10.ª vez que os portugueses são chamados a escolher o Presidente da República em democracia, desde 1976.

Concorrem às eleições sete candidatos, Marisa Matias (apoiada pelo Bloco de Esquerda), Marcelo Rebelo de Sousa (PSD e CDS/PP) Tiago Mayan Gonçalves (Iniciativa Liberal), André Ventura (Chega), Vitorino Silva, mais conhecido por Tino de Rans, João Ferreira (PCP e PEV) e a militante do PS Ana Gomes (PAN e Livre).

ACOMPANHE AQUI A SIC NA CAMPANHA

As últimas notícias em https://sicnoticias.pt/ultimas