Guerra Rússia-Ucrânia

"Nós voltaremos": Zelensky promete reconquistar a Crimeia

Loading...
Na cimeira da Plataforma da Crimeia, um fórum lançado por Kiev há dois anos, Zelensky pediu o apoio aos líderes mundiais.

Ao lado do Presidente polaco, Andrzej Duda, que viajou para Kiev para participar presencialmente na segunda cimeira da Plataforma da Crimeia, Volodymyr Zelensky prometeu reconquistar a península ucraniana, desde 2014 sob o domínio russo.

"Sei que a Crimeia está com a Ucrânia e espera o nosso regresso. Quero que todos saibam que nós voltaremos. [E] quando voltarmos, corrigiremos tudo o que os ocupantes fizeram na nossa península ucraniana. Vieram para a Crimeia e para toda a região do Mar Negro com agressividade e armas russas, ameaças ecológicas catastróficas de destruição sem precedentes à natureza da Crimeia, de destruição da vida em sociedade, de declínio económico, de destruição de monumentos e militarismo", afirmou o Presidente ucraniano.

A cimeira da Plataforma da Crimeia decorreu por videoconferência e contou com a participação de vários chefes de Estado e de Governo, bem como da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e do secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg.

A visita de Duda coincide com a celebração dos dias nacionais da bandeira, hoje, e da independência da Ucrânia, na quarta-feira, dia em que também se cumprem seis meses da invasão que a Rússia iniciou em 24 de fevereiro.

Últimas Notícias
Mais Vistos