Isabel II

Morte da Rainha Isabel II: como fica a linha de sucessão ao trono britânico?

Morte da Rainha Isabel II: como fica a linha de sucessão ao trono britânico?
WPA Pool

Com a morte da Rainha Isabel II, Carlos, o filho mais velho, sobe ao trono e torna-se Rei. Saiba quem é o próximo na linha de sucessão da monarquia britânica.

A morte da Rainha Isabel II, esta quinta-feira, aos 96 anos, dá início a uma nova geração da monarquia britânica. O príncipe Carlos, filho mais velho da Rainha e do príncipe Filipe, duque de Edimburgo - que faleceu em abril de 2021 -, é agora o novo Rei de Inglaterra.

Quando nasceu, a Rainha Isabel II não era a primeira na linha de sucessão - era a terceira. O Rei Jorge VI assumiu o trono depois do irmão mais velho que abdicou para casar com Wallis Simpson - que era norte-americana e divorciada. Quando o pai morreu, em 1952, já Isabel e Filipe tinham dois filhos: Carlos e Ana.

A linha de sucessão da monarquia britânica é regulada pela Declaração de Direitos, de 1689, e pelo Decreto de Estabelecimento, de 1701. A sucessão é regulada pelo Parlamento desde que o Rei James II deixou Inglaterra, em 1688, durante a Revolução Gloriosa, deixando o trono vazio.

As duas normas legislativas impõem regras para a seleção do Rei ou Rainha: para integrarem a lista de sucessão, os membros da família real têm de ser descendentes da princesa Sofia - a neta de James I. Têm ainda de ser protestantes, não podendo o Rei britânico pertencer à igreja católica romana.

As regras de sucessão à coroa britânica foram atualizadas em 2013. Este decreto acabou com o sistema de privilegiar os filhos barões, que permitia aos irmãos mais novos ultrapassar as irmãs mais velhas. Esta nova regra aplica-se a todos os membros da família real nascidos depois de 28 de outubro de 2011.

A princesa Charlote, filha de William e Kate Middleton, foi a primeira a beneficiar desta norma. Quando o seu irmão, príncipe Louis, nasceu, a princesa não desceu na lista de sucessão.

O Ato de Sucessão à Coroa implementou outra alteração: passou a ser permitido aos Reis e Rainhas casarem com membros da igreja católica romana. Antes de 2015, um monarca que casasse com uma pessoa católica seria, automaticamente, excluído da linha de sucessão

Conheça a linha de sucessão:

  1. William – duque de Cambridge
  2. George – filho de William e Kate Middleton
  3. Charlote – filha de William e Kate Middleton
  4. Louis – filho de William e Kate Middleton
  5. Harry – duque of Sussex
  6. Archie Mountbatten-Windsor – filho de Harry e Meghan Markle
  7. Lilibet Mountbatten-Windsor – filha de Harry e Meghan Markle
  8. André – duque de York
  9. Beatriz – filha de André e Sarah Ferguson
  10. Sienna Mapelli Mozzi – filha de Beatriz e Eduardo Mapelli Mozzi
  11. Eugénia – filha de André e Sarah Ferguson
  12. August Brooksbank – filho da Eugénia e de Jack Brooksbank
  13. Eduardo – conde de Wessex
  14. James Mountbatten-Windsor – filho do príncipe Eduardo e de Sofia Rhys-Jones
  15. Louise Mountbatten-Windsor – filho do príncipe Eduardo e de Sofia Rhys-Jones
  16. Ana – princesa real
  17. Peter Phillips – filho da princesa Ana com Mark Phillips
  18. Savannah Phillips – filha da princesa Ana com Mark Phillips
  19. Isla Phillips – filha da princesa Ana com Mark Phillips
  20. Zara Tindall – filha da princesa Anne com Mark Phillips
  21. Mia Tindall – filha de Zara Tindall com Michael Tindall
  22. Lena Tindall – filha de Zara Tindall com Michael Tindall
  23. Lucas Tindall – filho de Zara Tindall com Michael Tindall