Jogos Olímpicos

Patrícia Mamona: “Só tinha um dever: dar tudo o que tinha nas pistas”

A atleta conquistou a medalha de prata e bateu o recorde nacional de triplo salto.

Com o sentimento de dever cumprido, Patrícia Mamona explicou que a experiência foi muito importante para o resultado final. A atleta conquistou, este domingo, a medalha de prata em triplo salto nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Patrícia Mamona teve dificuldades em encontrar palavras para descrever o que sente uma medalhada olímpica. O 2º lugar nos Jogos Olímpicos é uma classificação que honra e a atleta portuguesa está ainda incrédula com os recordes nacionais batidos.

As provas dos Jogos Olímpicos não são novidade para Patrícia Mamona. A atleta admite que a experiência acumulada ajudou no resultado final.

Além da medalha, Mamona bateu ainda o recorde nacional, mais do que uma vez. O sentimento é o de dever cumprido. Com este resultado, a bandeira portuguesa sobe novamente ao pódio, pela segunda vez em Tóquio 2020.

ACOMPANHE O ESPECIAL JOGOS OLÍMPICOS

A SIC EM TÓQUIO

VEJA MAIS: