Vacinar Portugal

“Todas as pessoas vão ser vacinadas e vão ter duas doses"

José Gonçalves Marques explica que o alargamento do prazo entre a administração das doses "não diminui a eficácia".

A Comissão Técnica de Vacinação contra a covid-19 garante que vai haver vacinas para todos os cidadãos. José Gonçalves Marques explicou ainda ao Parlamento os benefícios existentes no alargamento do prazo entre a primeira e a segunda dose da vacina.

“Todas as pessoas vão ser vacinadas e todas as pessoas vão ter duas doses. O facto de se atrasar a dose não diminui a eficácia da segunda dose. Antes pelo contrário, toda a nossa evidência [mostra] que se o atraso for de três meses, a eficácia da segunda dose é melhor”, afirmou.

José Gonçalves Marques considera que, mesmo que exista “uma ligeira diminuição da eficácia próximo do final deste período de 12 semanas”, é “vantajoso” ter mais pessoas vacinadas com uma proteção na casa dos 80% “do que ter só metade das pessoas vacinadas com 90%”.

  • 16:26