Mundo

"Encontro inevitável" entre Marcelo e Bolsonaro deverá durar 15 minutos

Enviados SIC

Loading...

O encontro entre os dois estava marcado para julho, mas acabou por ser desconvocado.

O Presidente da República chega esta terça-feira a Brasília e vai encontrar-se com Jair Bolsonaro, na véspera do bicentenário da independência do Brasil, um aniversário que acontece em plena campanha eleitoral.

Marcelo Rebelo de Sousa já tinha estado no país em julho, mas não se encontrou com o Presidente brasileiro porque Bolsonaro não gostou que o Presidente da República, na passagem por São Paulo, se tenha cruzado com Lula da Silva, o seu rival nas eleições.

Um “encontro inevitável”, disse Marcelo na altura, que acaba por acontecer esta terça-feira. Está marcado para o final da tarde no Palácio do Itamaraty, onde fica situada a sede do Ministério das Relações Exteriores do Brasil e onde se encontra também a exposição do coração de D. Pedro IV.

Uma visita que vai ser acompanhada pela repórter da SIC, Ana Geraldes. Para já, relata que no país há "muitas criticas e alguns receios de que o presidente do Brasil aproveite esta ocasião para fazer plena campanha eleitoral e de alguma forma instrumentalizar este aniversário, colocando-o ao serviço da campanha partidária".

Além do Presidente português, Bolsonaro também convidou os presidentes das ex-colónias portuguesas. Vão marcar presença os presidentes de Cabo Verde, de Moçambique e da Guiné-Bissau. Angola e Timor Leste tiveram eleições recentemente e, por isso, não vão estar presentes na cerimónia dos 200 anos da independência do Brasil.

Para quarta-feira de manhã, está também marcado um desfile cívico-militar.

Últimas Notícias
Mais Vistos