Mundo

A primeira declaração de Rishi Sunak, o novo primeiro-ministro britânico

A primeira declaração de Rishi Sunak, o novo primeiro-ministro britânico
Aberto Pezzali

O novo líder do Partido Conservador começou por homenagear a liderança da antecessora.

Rishi Sunak faz a sua primeira declaração como novo primeiro-ministro britânico. Esta segunda-feira, o candidato tinha reunido o apoio de cerca de 200 membros parlamentares contra os 25 de Penny Mordaunt, que desistiu do cargo.

O novo chefe de Governo subiu ao pódio na sede do Partido Conservador para o seu primeiro discurso público como líder conservador e começou por prestar homenagem à antecessora.

Numa declaração em Londres, poucas horas depois da desistência da candidata rival remanescente à liderança dos conservadores e ao cargo de primeiro-ministro, Sunak começou por prestar homenagem à antecessora Liz Truss "pelo seu serviço público dedicado ao país”.

"Ela conduziu com dignidade e elevação um tempo de grandes mudanças e em circunstâncias excepcionalmente difíceis, tanto no país como no estrangeiro”, reconheceu.

Liz Truss esteve no posto apenas seis semanas e ficará na história como tendo cumprido o mandato mais curto como chefe de Governo.

“O Reino Unido é um país grandioso, mas não há dúvida de que enfrentamos um profundo desafio económico”, acrescentando que será uma das prioridades unir o partido e o país.

“Eu prometo que vou servir-vos com integridade e humildade e vou trabalhar dia e noite em prol do povo britânico”.

Sunak será oficialmente indigitado primeiro-ministro na terça-feira, depois de uma reunião com o Rei Carlos III.

O novo Chefe de Governo chegou à sede da Campanha Conservador onde saudou os oficiais conservadores e parlamentares.

Últimas Notícias