País

Incêndio dominado em Oleiros. Área ardida rondará os 6 mil hectares

O mais recente balanço da Proteção Civil.

O incêndio que deflagrou no sábado em Oleiros e que se estendeu a Proença-a-Nova e Sertã foi dominado durante a manhã desta segunda-feira e, segundo um primeiro balanço, terão ardido cerca de seis mil hectares, anunciou a Proteção Civil.

"O incêndio que teve início na tarde de sábado está dominado. Ainda assim, todo o efetivo mobilizado está no terreno em trabalhos de consolidação", afirmou, em conferência de imprensa, o comandante operacional de Agrupamento Distrital do Centro Sul, Luís Belo Costa.

PAULO CUNHA

O responsável adiantou ainda que a área ardida rondará os seis mil hectares, uma informação que disse carecer de informação.

O fogo não atingiu casas de habitação, segundo o vice-presidente da Câmara de Oleiros. Alguns anexos agrícolas terão sido afetados.

Na última noite, três pessoas foram retiradas de casa, apenas por precaução.

AS IMAGENS DO LOCAL ONDE VEÍCULO DOS BOMBEIROS SE DESPISTOU

A SIC captou imagens exclusivas do local onde um veículo dos bombeiros se despistou, no sábado, na Serra do Muradal, depois de ter saído da estrada principal quando seguia a caminho do combate às chamas, em Oleiros.

O vídeo mostra que o veículo está imobilizado numa fenda da serra, partido em dois. Trata-se de uma viatura dos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova.

Ao despistar-se, saiu da estrada e caiu por uma encosta da serra ao longo de 200 metros com cinco bombeiros no interior. As imagens captadas por drone mostram as marcas que deixou na terra da encosta, por onde caiu, desgovernado.

O acidente fez uma vítima mortal, um jovem bombeiro de 21 anos, e quatro feridos, dois com gravidade.