País

Covid-19: Graça Freitas considera que "não é patriótico" criticar dados da DGS

Diretora-geral da Saúde garante que DGS não está "às escuras"

A diretora-geral da Saúde garante que não houve falta de ação na resposta ao surto no lar de Reguengos de Monsaraz.

Ouvida no Parlamento, esta manhã, Graça Freitas considerou ainda que não é patriótico criticar os dados sobre a covid-19 divulgados pela DGS.

Neste momento, há 51 surtos ativos em lares e instituições similares e Graça Freitas garante que tem os dados de que precisa, desde a origem do contágio aos contactos entre as pessoas.