Economia

Desconto de 10 cêntimos por litro para as famílias durante cinco meses

Governo toma medida para ajudar a minimizar o aumento do preço dos combustíveis.

Um desconto de 10 cêntimos por litro para as famílias durante cinco meses foi a forma encontrada pelo Governo para ajudar a minimizar o aumento do preço dos combustíveis e o impacto nos orçamentos familiares, tendo sido a medida revelada na tarde desta sexta-feira pelo ministro das Finanças.

Antes de entrar para ser ouvido na comissão parlamentar sobre a proposta do Governo para o Orçamento do Estado para 2022, João Leão revelou a medida decidida pelo executivo: um desconto de 10 cêntimos por litro para as famílias, o que se pode traduzir, no máximo, numa poupança de 5 euros por mês.

Os deputados não ouviram o anúncio e, por isso, o Bloco de Esquerda criticou a forma, sem falar no conteúdo.

o PSD diz que "o Governo dá com uma mão e tira com duas".

O PCP apontou o dedo à dupla taxação dos combustíveis e defendeu uma política de preços máximos.

A medida anunciada por João Leão vai vigorar durante 5 meses, apesar de o Governo esperar que os preços comecem a descer a partir de janeiro, e custará mais de 130 milhões de euros.

Esta quinta-feira, em vários pontos do país, centenas já tinham feito sentir o descontentamento pelo aumento do preço dos combustíveis.

Depois de dois meses consecutivos de subida, os indicadores apontam para que, na próxima semana, não haja mexidas no preço por litro da gasolina e o gasóleo poderá subir meio cêntimo.

Veja também: