Coronavírus

Rainha de Inglaterra muda-se para Castelo de Windsor por precaução

Joe Giddens

Medida de precaução devido à pandemia de Covid-19.

Especial Coronavírus

A Rainha Isabel II, de Inglaterra, vai mudar-se para o Castelo de Windsor e deixar Londres, como medida de precaução devido à pandemia de Covid-19, de acordo com um anúncio divulgado hoje pelo Palácio de Buckingham.

A monarca, de 93 anos, vai mudar-se para o castelo, situado a 32 quilómetros de Londres, uma semana mais cedo do habitual por altura da Páscoa, depois de terem sido consultadas as autoridades de saúde e o Governo britânico.

Os compromissos previstos para as próximas semanas já tinham sido adiados ou cancelados por "precaução" e por "razões práticas nas atuais circunstâncias", mas Isabel II vai manter os encontros com o primeiro-ministro, Boris Johnson, e outras reuniões com apenas uma pessoa.

O Governo de Boris Johnson recomendou à população mais vulnerável, em particular àqueles com mais de 70 anos, que evitassem "contactos não essenciais" com outras pessoas nas próximas 12 semanas, para atrasar a proliferação do novo coronavírus.

As festas de primavera que a Rainha acolhe por esta altura, e nas quais participam milhares de pessoas, foram adiadas e outros eventos futuros - como as comemorações do final da II Guerra Mundial na Europa e uma visita estatal do Imperador Naruhito, do Japão - estão em dúvida.

Os números do coronavírus

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou mais de 180.000 pessoas, das quais mais de 7.000 morreram e 75.000 recuperaram.O surto começou em dezembro na China, que regista a maioria dos casos, e espalhou-se, entretanto, por mais de 145 países e territórios.

Na Europa há mais 67.000 infetados e pelo menos 2.684 mortos, a maioria dos quais em Itália, Espanha e França.

SIGA AQUI AO MINUTO TODA A INFORMAÇÃO SOBRE A COVID-19

Veja também:

  • Renovação do estado de emergência decidida hoje

    Coronavírus

    O Governo reúne-se esta tarde em Conselho de Ministros extraordinário no Palácio da Ajuda. Ao que a SIC apurou, o encontro vai servir para analisar os termos da renovação do estado de emergência. A decisão será tomada até ao final do dia pelo Presidente da República, depois de falar com o primeiro-ministro e já com o parecer positivo do Governo. Portugal regista 160 mortes e 7.443 casos de Covid-19. Siga aqui ao minuto as últimas informações sobre a pandemia.

    Direto

    SIC Notícias